domingo, 1 de março de 2009

444 (texto)

Hoje, Primeiro de Março, aniversário de São Sebastião do Rio de Janeiro, estou morrendo de saudades, vontade de estar na Lapa e almoçar no Nova Capela (ou no Bar do Gomes), estar na companhia de Vanise e depois andar por Santa Teresa para um cafezinho (e encontrar a Bebeth e o Pedro). Final da tarde um cineminha em Botafogo com Nanci, mas antes uma passadinha na Praia de Ipanema, na Barraca da Lúcia e do Cláudio. De repente, por ali, encontrar Lulu e Elis e na saída o Juscelino e rir sem parar com as histórias deles todos. A Cidade nem anda assim tão maravilhosa, mas tem seu charme (ela sobreviveu a tantos maus governantes, ao lixo que é jogado pelas janelas dos carros etc.). Basta admirar o Aterro do Flamengo de cima da passarela enfrente ao MAM para saber porque o Rio de Janeiro encanta. Sem falar da Curva de Copacabana voltando do Arpoador ou ainda da vista do Cristo Redentor. Sobre o Botafogo Praia Shopping ver a Baía de Botafogo e seus barquinhos, o Pão-de-Açúcar e os carros que cruzam noite e dia as avenidas largas do bairro. São 444 anos da cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário