sexta-feira, 12 de junho de 2009

E agora? (texto)

O que eu faço com o que sei? O que eu faço com a realidade? Estou de mãos atadas.

7 comentários:

  1. ESSA é a coincidência..Sem explicações...rs
    (Just funny...)

    "Se procurar bem você acaba encontrando. Não
    a explicação (duvidosa) da vida, mas a poesia (inexplicável) da vida".(Drummond)

    ResponderExcluir
  2. Oi meu amigo!
    Só passei pra te dar um beijo e falar que eu gosto muito de vc!
    Bjs.

    Fábula Do Riacho
    Márcia Tauil

    Se você quiser
    Eu te levo pra um reino distante
    E te mostro que lá adiante
    Por detrás dessa mata
    Há um riacho de água clara
    Que na luz da lua
    Em noite escura é prata
    Mas se a noite é de medo e procura
    Nos vem com doçura
    Levar a tristeza
    Mostrar a beleza
    De um peito em flor
    E nos faz correnteza
    Nas águas estranhas do amor
    Então com brandura
    Nos faz cometer a loucura

    Há flores diversas
    Que o vento dispersa
    Num chão de aquarela
    Estrada mais bela
    Que apenas te espera
    Se você quiser

    Quem canta é a Simone Guimarães e ela canta tão bonito!

    ResponderExcluir
  3. Pois é Alexandre, questionamentos feito estes pertubam minha mente por estes dias quentes e gelados...

    ResponderExcluir
  4. Meu amigo querido!
    Vc sabe que eu gosto muito de vc, porque eu não sou do tipo que fica escondendo o que sente e tb sei que vc sabe que pode contar comigo pra qualquer coisa.
    Já passei por muita coisa na vida Alê e as vezes achava que não ia dar conta, mas sempre dei e tenho certeza que vc vai ser o rochedo para essa pessoa que vc tanto ama.
    Eu não sei se vc acredita em Deus, eu acredito e Ele é sempre minha fortaleza.
    Conte com minhas orações todos os dias. Vou orar a Deus pelo pronto restabelecimento dela.

    Cumpra-se, Senhor

    Sta. Teresa de Jesus

    Cumpra-se em mim, Senhor,
    Vossa vontade de todos os modos e maneiras
    Se Vós, Senhor Deus, quiserdes, quiserdes...
    Se me quiserdes enviar sofrimento
    Dá-me forças pra suportar

    E venham, aqui estou
    Não afastarei o rosto, oh meu Deus
    Dá-me somente coragem
    E disponde de mim,
    De minha vontade
    Como de coisa Vossa, Vossa.

    Bjs amigo.

    ResponderExcluir
  5. é...
    essa sensação de impotência é deveras cruel...
    Mas passa...
    Tudo passa, é velho, é jargão, mas passa...
    No fim, pensando agora do lado de fora, se a gente pensar, não faz nada...não tem nada mesmo que se possa fazer...a não ser esperar para ver...
    Esse é o mau das pessoas de ação...não sabem ficar na observação...é algo que particularmente tento aprender...abraços

    ResponderExcluir
  6. Amigomeuzinho!
    Tem homenagem pra vc lá no blog.
    Lado direito, depois de "Presente de bolg amigo".
    Muitos bjs.

    ResponderExcluir
  7. Voce e um dos meus,
    o dom de fazer as pessoas pensar nao e para todos,
    parabens pelo blog.

    ResponderExcluir