domingo, 27 de dezembro de 2009

Dormir (texto)

Dormir é o melhor do início das férias. Na verdade, dormir é bom sempre.
Este ano trabalhei muito. Tudo culpa do João (A Greice, a Helenita e a Cida tb têm culpa no cartório). Pensei, muitas vezes, que não daria conta do recado.
Alguns dias achei que minha cabeça ia explodir. O corpo estava jogado fora. E o trabalho não parava de chegar.
É claro que tb tive bons momentos, durante este ano de trabalho. Primeiro, a certeza de que trabalhar em equipe é muito bom (Rodrigo é um excelente companheiro e a tranquilidade do João sempre vinha em boa hora). Depois, que mesmo na tensão a gente ri.
No colegiado, tanto do mestrado quando da graduação, a equipe tb funcionou muito bem. A equipe de lingua portuguesa sempre está pronta pra tudo. Até para ouvir as reclamações pessoais.
Mas este ano trabalhei com o pessoal de inglês e espanhol com maior aproximação e o resultado não foi diferente.
Por tudo isso, mereço mesmo dormir muito. Até tarde. Dormir depois do almoço. E ir para cama cedo. Dormir andando e dormir no cinema, enfim, dormir até o corpo descansar.

2 comentários:

  1. Disse tudo. Dormir é bom sempre! Abraço e boas férias!

    ResponderExcluir
  2. Oi Alexandre, obrigada por seus votos tão gentis lá no meu Café...Gosto muito dos seus textos...
    E li aquele sobre sua emoção ao voltar a casa de sua mãe.
    Recordações e lembranças de quem amamos são sempre emocionantes e doídas, ainda mais, creio, por sua perda ser recente...mas, a vida segue...fazer o que, né? Desejo um 2010 feliz pra vc, cheio de realizações e paz!
    Um abraço

    ResponderExcluir