segunda-feira, 1 de março de 2010

BBB (texto)

Ontem, antes de dormi. liguei a TV como sempre faço. E como sempre faço tb fiquei com o controle na mão vendo se algum canal tinha alguma programação que prestasse, ou que me chamesse atenção. No National Geographic uma reportagem sobre gêmeos siameses (repetida, pra variar). Por isso, por já tê-la assistido num outro momento de insônia, continuei com o controle à mão na busca de alguma programação. Até que parei na Globo e lá estava o Bial fazendo algum comentário de um dos participantes do Big Brother, era o Serginho.
Como nunca assisto ao programa (nunca assisti) porque acho tudo aquilo uma grande bobagem e principalmente, não consigo encontrar uma razão sequer que me faça acompanhá-lo, resolvi investir nesses poucos minutos de apresentação do Sérgio. Descobri que ele é gay e que, por alguma razão, renascia das cinzas (seja lá o que isso signifique para quem acompanhar (meus deus!) os brothes). Descobri tb que não descobri nada e está aí a razão pela qual continuo insistindo naquela posição de que o programa nos faz perder um grande e pricioso tempo (mesmo que se use esse tempo para dormir, muito).
Inda bem que temos o controle na mão e basta um clique para estarmos bem longe de toda essa baboseira, distante de toda essa lavagem (comida de porco!). O que é que não se faz para ganhar alguma grana! E o que é que não se faz para perder alguma grana tb! Deus, salve a América!

Um comentário:

  1. Adorei o seu comentario! Nem é preciso assistir para saber que este BB é uma grande idiotice. Mas afinal isto só não reflete o mundo que a maioria dos humanos vive? Deus salve a humanidade!

    ResponderExcluir