segunda-feira, 26 de julho de 2010

Espera (texto)

Continuo no aeroporto esperando para embarcar. Meu voo, cancelado ontem, sem menos nem mais, continua uma incognita. Já devia estar trabalhando, já devia estar organizando uma prova, um curso para quarta-feira, mas continuo sentado aqui numa sala de embarque lotada sem notícias.
Não sei de chuvas, não sei de ventos, não sei de nenhuma catástrofe que justifique tanta demora. Já tomei café da manhã, almocei, café da tarde no aeroporto. Espero apenas não jantar.
Já briguei tb em virtude da demora. Pelo jeito não adiantou. Já ri tb porque me sinto perseguido pelas empresas aéreas. Sempre, sem exageros, tenho problemas para chegar e voltar.

Um comentário:

  1. ah se eu estivesse por aí , a gente conversava um tanto e vc nem ia ver o tempo passar....rs, sabe que esse é o melhor jeito de aproveitar, olha pro lado, quem sabe vc não consegue fazer uma nova amizade. bjs querido

    ResponderExcluir