terça-feira, 2 de novembro de 2010

Enquanto voltava para casa (texto)

Tava pensando enquanto voltava para Cascavel e lia  n'O Globo (o que restou de jornal no Rio de Janeiro) sobre as eleições para presidente e a distribuições dos votos por região: não foi o nordeste que definiu SOZINHO a vitória do PT. Minas Gerais e Rio de Janeiro juntos somaram uma diferença de 3.508.017 para Dilma.
Nos onze Estados onde Serra ganhou (SP, ES, PR, SC, RS, GO, MT, MS, AC, RO e RR) a diferença foi de 3.543.098, ou seja, praticamente anulados pelos votos de MG e RJ.
O Sudeste era considerado estratégico para a oposição. Os aliados de Serra esperavam que,  sobretudo em MG e em SP, ele tivesse uma larga vantagem sobre Dilma e assim os votos da região Nordeste fossem anulados (por essa vantagem), mas a previsão não se confirmou.  Dilma teve vantagem de 3,5 milhões de votos sobre o Serra.
Tá aí a explicação voto a voto para presidente.

2 comentários:

  1. Hummmm...
    Tu ta fazendo autópsia!!

    hehehehehe...

    Abração!

    ResponderExcluir
  2. Pois é. Isso mostra que a revista Veja não está com nada quando alardeou que o Aécio iria remover montanha. Adorei a charge. De quem é?
    Abraço.

    ResponderExcluir