sábado, 29 de setembro de 2012

De sexta em diante (texto)

Algumas coisas acontecem apenas a partir da sexta-feira à noite ou nos finais de semana, propriamente ditos: o chuveiro que não esquenta, o gás que acaba, a internet que não tem sinal, a TV a cabo que simplesmente parou de transmitir alguns canais, o ferro que não passa, a máquina de levar que travou em uma função, a geladeira que não gela e por aí vai. 
Estou sem telefone fixo desde ontem à noite e não faço ideia do que possa ter acontecido, já futuquei a tomada, troquei o cabo, inverti-o, liguei e desliguei o fio de força do telefone, comprei um filtro de linha novo e na-da. Ele continua me avisando para "checar a falta de linha". 
Não tenho, é claro, nenhum contato de um (nem sem quem chamar) técnico que possa me salvar num fim de semana molhado e frio para que eu possa, enfim, fazer as ligações que deveriam ser feitas quando eu estivesse de volta de viagem. Não as farei. Quem me ligar tb não terá contato.
Pelo menos, há de se pensar assim, a internet continua com sinal para eu não morrer de raiva nesse frio.

2 comentários:

  1. Pelo menos a internet tá funcionando, rsrs!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi meu amigo, tenha bons pensamentos, eles ajudam a gente a voar...na falta de algo mais high tec um velho e bom livro, e uma xícara de chá, de ...camomila, pra ajudar a relaxar...rsrsrs, ah, mas não é que de segunda a sexta funciona? será que é o mundo pedindo pra gente tirar o pé e relaxar? sei não... rs de mais a mais, vim aqui deixar um beijo pra matar a saudade. adorei receber notícias suas.

    ResponderExcluir