quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Nem tanto ao céu, nem tanto ao mar...

Já falei, na postagem anterior, sobre a eficiência de alguns serviços aqui em Portugal, ops, aqui em Lisboa. Mas hoje me dei conta de que não se vive apenas disso, ou, só disso.
Lisboa, sem dúvida, é uma linda cidade, e moro numa zona de fácil acesso aos bairros que me interessam, aos lugares aonde preciso ir para fazer o meu trabalho.
Por aqui, assim como no Rio de Janeiro, as pessoas têm animais em casa. E tb como no Rio ou em qualquer outro lugar, acredito, precisam ir às ruas para passear com os seus pets para que eles possam se exercitar, fazer as necessidades etc. E o fazem com frequência. Hoje, enquanto eu resolvia questões de banco, percebi que haviam muitos cachorros e seus donos a passear pelas ruas. No entanto, tb percebi que os cachorros fazem as suas necessidades em todos os lugares e o que fazem ficam ali sem que seus donos se preocupem, sem que seus donos limpem os feitos de seus cães.
Existem praças lindas repletas de cocô de cachorro, existem espaços entre prédios que é impossível circular por conta da quantidade de bosta canina. Fiquei bastante surpreso com essa despreocupação portuguesa.
Aos poucos vamos percebendo como a cidade funciona. Amanhã quero escrever sobre o (mal) humor que é muito comum por aqui.

2 comentários:

  1. O novo blog Alexandre Ferrari Soares!
    http://alexandreferrarisoares.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  2. O novo blog Alexandre Ferrari Soares!
    http://alexandreferrarisoares.blogspot.pt

    ResponderExcluir