sábado, 30 de junho de 2018

Se Copa do Mundo, Helô sempre presente

Nesses tempos de jogos. Nesses dias de disputas. Em época de Copa do Mundo, a presença de Helô é sempre enorme. Fico pensando em como ela estaria se estivesse aqui em casa ou se em qualquer outro lugar assistindo os jogos: sem intervalo, todos os jogos, comentando, reclamando, torcendo pelos mais fracos, feliz pelos vencedores e, imediatamente após a vitória de qualquer que fosse a seleção (sobretudo, na fase de mata-mata, quando os países que perdem são eliminados), um lamento enorme em relação à seleção desclassificada.
Se estivesse viva, certamente trocaríamos mensagens durante os jogos. Fizemos isso em muitas oportunidades. Se o jogo era com o Brasil, aí só com ligação: falávamos antes, durante e após o jogo. Que saudade! Quanta saudade sinto dela. 
Mil rituais: a mesma posição, reza, oração, incenso (de efeito moral), nenhuma piada, nenhuma gracinha...caso contrário ela ficava brava. E com razão. Eu, espírito de porco, arrumava alguma coisa que a contrariasse para fazer durante o jogo. Ainda que ela soubesse que era apenas para irritar e achasse graça, não era sempre assim de forma tranquila que a brincadeira era recebida.

sexta-feira, 29 de junho de 2018

Da Série: Contos Mínimos

Resultado de imagem para falta de lembrança
- A sua sorte é que eu me esqueço do tanto de coisas ruins que vc me fez.

- Coisas ruins? Que coisas ruins?
- Não me lembro.

Da Série: Contos Mínimos

Resultado de imagem para ruivo de olhos azuisJá me perdi em tantos olhos: negros, verdes, castanhos, mas me encontrei nesses olhos azuis.

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Quando ir embora?

Resultado de imagem para saber partirSaber partir não é fácil, sobretudo quando o coração da gente insiste em querer ficar. Sempre é uma decisão complicada porque há um conflito entre saber que não está bom (da forma como está) e também saber que não será bom.
Pensei que ao longo dos anos eu fosse aprender a lidar melhor com a rejeição, com o desinteresse do outro, mas não! Quando se trata de gostar de alguém...parece que a teoria não se sustenta.
Saber sair ou insistir? É uma escolha...o que dói menos, sair à francesa e de repente abrir a possibilidade para qualquer coisa nova ou ficar imobilizado sem muita perspectiva.

Como encontrar os óculos perdidos sem enxergar?

Coloquei, assim que acordei, meus óculos sobre a bancada da cozinha. A bancada é preta e a armação dos óculos escura. Fiz o que tinha para ...