quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Da Série Contos Mínimos (texto)

Nem bem amanhaceu, ela já estava de pé. Coração na boca. Pernas inseguras. Mãos trêmulas. Que mãe não ficaria assim com a chegada do filho, depois de tantos anos?

Um comentário:

  1. A minha!
    O mentira, tadinha, é até pecado.
    Bjs querido.

    ResponderExcluir

Aquela mão

Sabe aquela mão que vc segura quando é criança e se sente seguro? Tava precisando de uma assim. Nos resta , depois de adulto, apenas a poss...