quarta-feira, 20 de abril de 2016

Da Série: Contos Mínimos

Tudo nele era enorme. Obesidade mórbida. Ele comia as suas tristezas, ele comia as suas angústias, ele comia os seus sentimentos. Tudo virava alimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário