domingo, 9 de agosto de 2009

Ir Ao Rio (texto)

Não tenho nenhuma vontade de ir ao Rio. Vou porque preciso encarar o que anda acontecendo, mas vou sem nenhuma vontade. Sei que isso é horrível. Não queria ter esse sentimento. Mas é exatamento o que sinto. É uma luta ver a minha mãe. Por outro lado, sei tb que é importante que eu esteja por perto. Mas ando sem saber o que dizer e, pior, sem saber me comportar. É tudo triste demais. É tudo muito silencioso.
Fico apreensivo com a minha chegada e transtornado com a volta.
E eu que contava os dias para estar na cidade...ficava feliz com a possibilidade da minha chegada.
Mas essa cidade é outra.

Um comentário:

  1. Oi meu chameguinho,
    entendo seu sentimento, mas o mais importante agora é estar perto dela e amar, amar e amar.
    E por falar em amor gostei tanto do seu comentário lá em casa! Eu tb gosto dimais da conta de vc viu.
    Continuo orando e clamando a misericordia do Senhor. Conte sempre comigo!
    Bjs meu docinho de amendoim.

    ResponderExcluir

Até onde eu voltaria?

Se eu pudesse voltar, até onde eu voltaria? João, Jiovan,  Mauro,  Sebastian,  Augusto,   Marcos, Junior,  Erik,  Lino,  Yuri,  Alexandre, ...